sapiens Nenhum comentário

Grandes estacas escavadas foram usadas na transposição da represa Billings

Com estacas de 140 cm de diâmetro e profundidades de até 47 m, para as fundações do trecho aterrado da ponte sobre a represa Billings e das demais obras de artes, o projeto adotou a solução de estacas escavadas de grande diâmetro (estacões).

O trabalho de fundações, executado pelo Consórcio Tenge/ Drilling, para a Queiroz Galvão, com o emprego de perfuratrizes hidráulicas (modelo SR 220 e SR 150), de alto desempenho, com controle de verticalidade e profundidade feito por computadores.”

Rodovias e Concessões – Suplemento Especial da revista “O Empreiteiro” nº 483, pág 68.